18.5 C
Brasília
- PUBLICIDADE -
InícioPolíticaCLDFTorcidas de futebol rivais se unem em doações para o Rio Grande...

Torcidas de futebol rivais se unem em doações para o Rio Grande do Sul na CLDF

Publicado em

A solidariedade ao povo do Rio Grande do Sul uniu torcidas organizadas de Grêmio, Internacional, Corinthians e Palmeiras. Na tarde desta terça-feira (14), representantes do Consulado do Grêmio, Colorados de Brasília, Gaviões da Fiel e da Mancha Verde entregaram no posto de arrecadação da Câmara Legislativa do Distrito Federal mais de duas toneladas de donativos.

O vice-presidente da Câmara, deputado Ricardo Vale (PT), palmeirense, acompanhou a doação e destacou a importância do gesto das torcidas, que muitas vezes estão associadas a atos de violência. “Mas quem conhece de perto as torcidas organizadas sabe que elas têm um papel social e desenvolvem diversas atividades em prol da sociedade”, argumentou, acrescentando que a decisão das torcidas foi voluntária.

Doralino Sena, dos Colorados de Brasília, afirmou que a união das torcidas é a prova de que “nunca será só futebol”, explicando que a paixão dos torcedores pode ser canalizada para ajudar o trabalho de reerguimento do povo gaúcho.
O representante do Consulado do Grêmio em Brasília, Giscard Stephanou, disse que as torcidas continuarão arrecadando doações enquanto for necessário.

Lukas Nunes, da subsede Brasília da Gaviões da Fiel, destacou que a solidariedade colocou as rivalidades futebolísticas em segundo plano e uniu não só torcedores, mas também a sociedade em geral.

A Mancha Verde trouxe um caminhão de doações, mas também um pequeno grupo de torcedores, bandeirões e músicos que animaram a entrega, que contou até com corredor humano para descarregar os donativos de mão em mão.

Bruno Liporônio, da Mancha Verde, explicou que os donativos foram arrecadados em apenas uma semana na sede da entidade, em Vicente Pires. Segundo ele, o engajamento continua e tem mobilizado a comunidade.

Os principais itens doados foram água, alimentos, kits de higiene pessoal, roupas de cama, roupas íntimas, agasalhos e calçados.

O posto de arrecadação da CLDF, que fica em frente à entrada principal, continua recebendo as doações, de segunda à sexta-feira, das 8h às 18h.

 

 

Fonte: Agência CLDF

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas notícias

- PUBLICIDADE -

Você pode gostar