18.5 C
Brasília
- PUBLICIDADE -
InícioDistrito FederalEducaçãoProjeto Eleitor do Futuro desembarca no Recanto das Emas

Projeto Eleitor do Futuro desembarca no Recanto das Emas

Publicado em

Carreta do Na Hora incentiva estudantes do DF a tirar Título de Eleitor

Por Agência Brasília* | Edição: Vinicius Nader

 

A carreta do Na Hora estará nesta terça (9) e na quarta-feira (10) próxima o CEM 804 Recanto das Emas para realização do programa Eleitor do Futuro. A iniciativa da Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal (Sejus) possibilita a emissão de títulos de eleitor para estudantes com idades entre 15 e 17 anos e 11 meses e conta com a parceria do Tribunal Regional Eleitoral do DF (TRE-DF) e da Secretaria de Educação (SEEDF). A previsão para atendimento nesta edição é de 240 adolescentes, aproximadamente.

 

A primeira votação eleitoral, a gente nunca esquece”, diz o estudante Guilherme Henrique Paula, do Centro de Ensino Médio Escola Industrial de Taguatinga (Cemeit). O adolescente participou pela primeira vez das eleições gerais no Brasil, em 2022, quando fez 16 anos. “Embora o voto seja facultativo para os jovens de 16 e 17 anos, tirei o Título de Eleitor porque queria participar do processo eleitoral. Foi emocionante”, lembra.

 

 

Para a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani, “o voto é uma ferramenta que possibilita o exercício da cidadania; cada voto conta e, por isso, o jovem não deve subestimar o valor da participação nos pleitos”.

 

Direito e democracia

 

A carreta do Na Hora vai visitar outras localidades no DF até 8 de maio, quando se encerra a data estabelecida pela Justiça Eleitoral para a emissão do Título de Eleitor. Embora o DF não tenha eleições neste ano, o prazo precisa ser respeitado porque haverá eleição nas outras unidades da Federação.

 

Na capital do país, o cadastramento biométrico, quando são coletadas a assinatura eletrônica do eleitor, sua foto (com medidas da face) e as impressões digitais, já é incorporado ao processo de atendimento normal do eleitorado.

 

O voto é obrigatório para os maiores de 18 anos e menores de 70 anos, sendo facultativo para quem tem entre 16 e 17 anos incompletos, para maiores de 70 anos e para as pessoas não alfabetizadas. As pessoas maiores de 15 anos poderão fazer o alistamento eleitoral, mas a inscrição só surtirá efeito para a aquisição dos direitos políticos quando o interessado completar 16 anos.

 

*Com informações da Sejus

Fonte: Secretaria de Estado de Educação do DF

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas notícias

- PUBLICIDADE -

Você pode gostar