16.5 C
Brasília
- PUBLICIDADE -
InícioDistrito FederalEducaçãoProfessores participam de conferência sobre inteligência artificial

Professores participam de conferência sobre inteligência artificial

Publicado em

Evento acontece até sexta-feira (12/7) em Recife, Pernambuco

Redação, Ascom/SEEDF*

 

 

Cada dia mais presente no dia a dia da sociedade, o uso da inteligência artificial (IA) também é debatido por especialistas da área da educação. Esta semana, acontece em Recife (PE), a Conferência Internacional de Inteligência Artificial Aplicada à Educação, na qual cerca de 400 pesquisadores nacionais e internacionais debatem como a inteligência artificial pode ser integrada de forma eficaz na educação pública. Entre eles, estão os professores da Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEEDF), lotados na Coordenação Regional de Taguatinga, Ricardo Sousa e Márcio Dias.

 

Os professores, que participam do evento com apoio da SEEDF, integram o Comitê Brasileiro do evento, composto por pesquisadores reconhecidos e com experiência significativa. A conferência é reconhecida como o maior evento do gênero dedicado à educação e ocorre uma vez ao ano em alguma cidade ao redor do mundo.

 

A programação do evento, que ocorre na escola do Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife (CESAR) até sexta-feira (12), inclui cursos, workshops e palestras para discutir o alinhamento das tecnologias de inteligência artificial com práticas pedagógicas, políticas educacionais e como ferramenta para uma aprendizagem integrada a IA.

 

Trata-se de evento acadêmico de altíssimo nível. Há pesquisadores de diversos países e uma forte participação brasileira. Até o momento, participamos de workshops e sessões técnicas que apresentaram propostas de uso por meio de ambientes virtuais de aprendizagem, tutores virtuais, sistemas de predição de evasão escolar”, conta o professor mestre Ricardo Sousa. “Um dos aspectos mais relevantes até então são os contatos que estão sendo construídos, pois representam a face humana de todo esse processo tecnológico”, finaliza.

 

De acordo com o professor mestre Márcio Dias, “formar os professores nesse sentido é um dos caminhos apontados em pesquisas recentes“, indicando uma direção clara para as políticas educacionais futuras. “Esse movimento não apenas visa preparar os educadores para o uso eficaz da IA, mas também para liderar discussões sobre os impactos éticos e legais dentro do ambiente escolar“, declara.

 

A participação dos profissionais da CRE de Taguatinga na Conferência Internacional de Inteligência Aplicada à Educação foi viabilizada com o apoio institucional da Secretaria de Educação do Distrito Federal sob afastamento, com a concessão de diárias e passagens aéreas. Já os ingressos foram patrocinados pela Fundação Lemann. Além disso, o Sindicato dos Professores no Distrito Federal (Sinpro-DF) também apoiou financeiramente os profissionais.

 

Agradecemos à Fundação Lemann e ao empenho do coordenador da Regional de Ensino de Taguatinga, Murilo Marconi; e do secretário executivo da Secretaria de Educação do DF, Isaías Aparecido da Silva; pelo empenho para nos proporcionar a participação num evento tão importante e que, pela primeira vez, ocorre no Brasil”, destaca o professor Ricardo Sousa.

 

*Com informações de Jacqueline Pontevedra, CRE/Taguatinga

 

Fonte: Secretaria de Estado de Educação do DF

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas notícias

- PUBLICIDADE -

Você pode gostar