16.5 C
Brasília
- PUBLICIDADE -
InícioBrasilCulturaMinC marca presença na 19ª Mostra CineOP com enfoque na preservação e...

MinC marca presença na 19ª Mostra CineOP com enfoque na preservação e difusão do audiovisual brasileiro

Publicado em

A 19ª edição da Mostra CineOP, um evento de destaque no cenário cinematográfico brasileiro, contou com uma participação notável do Ministério da Cultura (MinC). Por meio da Secretaria do Audiovisual (SAV/MinC), o Ministério reforçou seu compromisso com a preservação e difusão do patrimônio audiovisual do país. No terceiro dia do festival, os debates se concentraram nas políticas públicas para a patrimonialização e preservação dos bens culturais audiovisuais.

O Grupo de Trabalho (GT) interinstitucional, formalizado pela Portaria MinC n.º 98/2023, foi um marco para a política de preservação audiovisual, reunindo importantes nomes da área. Entre os palestrantes estavam Gabriela Queiroz (Cinemateca Brasileira), Maria de Andrade (Fundação Casa de Rui Barbosa), Jéssyca Paulino, Daniela Fernandes e Graziela (SAV/MinC), Juliana Taboada e Well Silva (Fundação Biblioteca Nacional), Márcia Pacito (Iphan), Marcelo Siqueira (Arquivo Nacional) e Fernanda Coelho (consultora do MinC via OEI).

Encontro de Arquivos

Na segunda mesa, intitulada “Encontro de Arquivos”, a ministra do STF, Carmem Lúcia, participou como convidada especial. Emocionando os presentes, ela afirmou: “Você fala fulano é uma pessoa muito desumana, como se fosse normal alguém sair e se exilar da sua própria essência, que é a humanidade. Eu digo o que ainda reaproxima o humano em si mesmo, só a arte pode trazer, porque todas as outras linguagens são linguagens de amor ou de ódio momentâneas. A única que é permanente e a que fala o coração do homem na sua intensidade de luz.”

Recomendações do Grupo de Trabalho

Durante a mesa de discussão foram apresentadas as recomendações do Grupo de Trabalho (GT), que se dedicou ao desenvolvimento de políticas públicas para a patrimonialização e preservação dos bens culturais audiovisuais brasileiros. A estrutura de governança da Rede Nacional de Arquivos e Acervos Audiovisuais e os documentos técnicos de referência para a gestão de acervos públicos também foram abordados.

Daniela Fernandes destacou: “A preservação do nosso patrimônio audiovisual é essencial para garantir que as futuras gerações possam acessar e compreender a riqueza cultural do Brasil. As iniciativas que apresentamos hoje são fruto de um trabalho colaborativo e visam fortalecer a rede de arquivos e acervos audiovisuais em todo o país.”

Jéssyca Paulino complementou a discussão, apresentando detalhes técnicos e estratégias para a implementação das políticas de preservação.

O evento seguiu até o início desta semana, com uma programação rica em debates, exibições e oficinas, proporcionando uma plataforma essencial para o desenvolvimento e a valorização do cinema brasileiro. A participação do Ministério da Cultura na 19ª Mostra CineOP reafirma seu compromisso com a promoção do cinema como ferramenta educacional e com a salvaguarda do patrimônio audiovisual.



Fonte: Ministério da Cultura

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas notícias

- PUBLICIDADE -

Você pode gostar