18.5 C
Brasília
- PUBLICIDADE -
InícioDistrito FederalMais de 50 profissionais da Saúde deram apoio à comemoração dos 64...

Mais de 50 profissionais da Saúde deram apoio à comemoração dos 64 anos de Brasília

Publicado em

Enquanto Brasília celebrava seu aniversário, um grupo trabalhava incansavelmente nos bastidores para garantir que a festa ocorresse sem contratempos. Mais de 50 profissionais da saúde, médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem e condutores atuaram na linha de frente, prontos para responder a qualquer emergência que surgisse.

As equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) estavam alertas. Durante as celebrações, a Saúde atendeu a um total de 25 ocorrências em diferentes pontos da cidade, desde traumas até crises clínicas. Além disso, o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) também realizou o atendimento de 29 casos que foram encaminhados aos hospitais da rede.

“Além do atendimento padrão esperado em eventos com grande concentração de pessoas, o serviço também estava preparado para lidar com atendimentos em larga escala, caso necessário. Tendas infláveis, macas de campanha e todos os insumos e materiais necessários estavam disponíveis. Dois caminhões completos de suporte a múltiplas vítimas estavam prontos para intervir”, explicou Victor Arimateia, gerente de regulações do Samu.

Além da expertise técnica, os servidores da saúde de Brasília ofereceram um atendimento humanizado a cada pessoa que precisou de ajuda em meio à agitação dos eventos. “Ser brasiliense e dedicar-me à minha cidade é uma emoção incrível. Hoje somos uma geração de brasilienses que ocupam cargos, fazem política pública e realmente se preocupam com a cidade”, disse a coordenadora da Rede Distrital de Urgências e Emergências do Distrito Federal, Thaís Braga.

Reconhecer o papel crucial desempenhado pelos servidores da saúde é essencial, como destaca Victor Arimateia: “Esses profissionais são verdadeiros heróis anônimos que garantem a segurança e o bem-estar da comunidade.”

Além disso, esses profissionais receberam um reforço no início do mês, com a chegada de 461 médicos para a rede de saúde do DF. Do total, 240 profissionais fazem parte do cadastro de reserva do último edital da carreira médica, 21 foram convocados para substituir candidatos que não se apresentaram em chamamento anterior e 200 vieram de contratos temporários.

Luta contra a dengue

Enquanto as festividades aconteciam, a batalha contra a dengue continuava na zona central da cidade. Vinte e cinco agentes Comunitários de Saúde (ACSs) e de Vigilância Ambiental em Saúde (Avas), com o apoio de 35 bombeiros militares, visitaram residências para identificar o Aedes aegypti e orientar sobre medidas para evitar a proliferação do mosquito.

O evento especial pelo aniversário de Brasília também incluiu um local de vacinação, montado em uma carreta climatizada da Defensoria Pública. Foram disponibilizadas doses para os públicos prioritários, incluindo vacinas contra a dengue e doses do calendário de rotina para adultos.

*Com informações da SES-DF

 

Fonte: Agência Brasília

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas notícias

- PUBLICIDADE -

Você pode gostar