21.5 C
Brasília
- PUBLICIDADE -
InícioBrasilCulturaAntigo “Sistema de Gestão” será substituído por ePraças

Antigo “Sistema de Gestão” será substituído por ePraças

Publicado em

Os gestores dos CEUs já podem solicitar vínculo no novo sistema de gestão, o ePraças, que fornece uma página pública para divulgação da programação e das atividades de cada Praça CEU, customizada e atualizada pelo respectivo gestor. Acesse: epracas.cultura.gov.br

Disponível para testes o ePraças, é um sistema de transparência e divulgação das Praças CEUs a todos os cidadãos. Nele é possível acessar as atividades e os contatos de cada Praça CEU inaugurada e conferir o estágio de implementação das que estão em obras.

Os dados do sistema permitem a avaliação e melhoria contínua da gestão das Praças CEUs, fornecendo indicadores (relatórios e estatísticas) sobre o funcionamento de cada equipamento. O sistema é também uma ferramenta de apoio ao planejamento pelos Grupos Gestores e comunicação entre as Praças CEUs, fortalecendo a Rede de Gestores e Comunidades em todo o País.

As principais funcionalidades do ePraças são:

1) transparência e divulgação das atividades das Praças CEUs a todos os cidadãos;

2) apoio ao planejamento, monitoramento e avaliação das atividades desenvolvidas nos espaços;

3) fornecimento de indicadores (relatórios e estatísticas) para a avaliação e melhoria contínua da gestão dos CEUs;

4) apoio à comunicação entre municípios, MinC, gestores e comunidades dos CEUs.

A atualização e alimentação das informações seguem de responsabilidade dos gestores dos equipamentos, que poderão melhorar a divulgação e a transparência na gestão das Praças por meio do sistema.

Em fase de testes, o primeiro módulo possibilita a solicitação de vínculo para cada CEU e a edição das informações gerais sobre o equipamento, a UGL (Unidade Gestora Local), o Grupo Gestor, Recursos Humanos da Praça, parceiros e calendário de atividades, assim como inserir um texto de apresentação e fotos das atividades.

Na segunda etapa serão fornecidos os módulos sobre público presente nas atividades realizadas, e relatórios diversos sobre o funcionamento e a gestão do equipamento.

O ultimo módulo fornecerá ferramentas de comunicação entre os gestores e com o MinC.

O cadastramento de usuário, por meio do ID Cultura, permitirá que apenas uma pessoa por CEU contenha os dados de acesso (login e senha), ficando responsável pela inserção e consulta de dados no sistema. Essa pessoa deverá obrigatoriamente fazer parte do Grupo Gestor.

Após o lançamento haverá um período de manutenção dos dois sistemas no ar até a migração completa para o ePraças.



Fonte: Ministério da Cultura

Comentários

- PUBLICIDADE -

Últimas notícias

- PUBLICIDADE -

Você pode gostar